Gestão de Pessoas o que será relevante nos próximos anos
Blog

Gestão de Pessoas: O que será relevante nos próximos anos?

O mundo corporativo mudou bastante nos últimos anos. Isso porque a crise sanitária fez com que entrasse em cena modos de trabalho diferentes. Na gestão de pessoas, os mesmos, por sua vez, não eram muito debatidos até três anos atrás. Entre elas podemos citar a flexibilização de horários, assim como flexibilização dos próprios profissionais.

Diante disso, importantes tendências se firmaram. Dados da Consultoria Global de RH, Randstad, por exemplo, demonstram que as empresas já pensam em focar mais na qualificação do perfil profissional para preencher vagas de tecnologia. Assim como estão preferindo misturar a contratação de mão de obra temporária e permanente para atender a demanda.

Dentro desse cenário, separamos neste conteúdo as principais tendências para a gestão de pessoas nos próximos anos. Isso porque muitas coisas mudaram durante a pandemia e devem permanecer como novo estilo de trabalho também. Acompanhe.

 

Gestão de pessoas: 5 tendências relevantes para os próximos anos

Abaixo elencamos 5 tendências baseadas em pesquisas feitas pela Randstad para o setor de RH. São elas:

A necessidade de habilidade em tecnologia

Sim! A tecnologia hoje está presente na nossa sociedade. Usá-la para os processos corporativos se tornou necessário. Com isso a gestão de pessoas consequentemente vem exigindo que os profissionais possuam essa habilidade para atender as funções.

A educação digital, por sua vez, é a tendência da vez. Muitas empresas estão buscando incentivar a formação na área. Assim como contribuir com o desempenho profissional dos mesmos por oferecer habilidades de digitalização e ferramentas tecnológicas.

A possibilidade de flexibilização

A necessidade de se trabalhar em casa durante a crise sanitária também acelerou o processo de flexibilização, a qual já vinha sendo escolha de algumas empresas no exterior envolvendo a gestão de pessoas.

No Brasil, por sua vez, a escolha pelo trabalho remoto dobrou em relação ao período fora da pandemia. Com isso, a possibilidade de flexibilização também apareceu por aqui, visto que muitas equipes se mostraram mais produtivas quando tendo liberdade para executar suas funções. Entre os principais deles estiveram a redução do estresse no trânsito de ir e vir até a empresa. Assim como também o fato de passar mais tempo ao lado da família.

Busca por treinamentos

Nas pesquisas desenvolvidas pela Randstad também estiveram brasileiros a favor do treinamento para executar as funções. Grande partes dos profissionais do país que responderam às perguntas se dizem valorizar o treinamento como uma das coisas mais importantes da empresa.

Para combater a escassez dos profissionais, 75% dos líderes no mundo reforçam que a capacitação é ainda a melhor saída. Entretanto apenas 29% deles se dizem engajados na causa no momento. A expectativa para a gestão de pessoas é que os treinamentos se tornem uma boa alternativa de reter talentos nos próximos anos e sejam ainda mais incentivados no Brasil.

O uso de vagas temporárias a favor da empresa

Com a demanda maior por parte das empresas, outra tendência que está surgindo é o uso das vagas temporárias. Isso porque o contrato temporário é ideal para suprir a empresa em determinadas épocas do ano. Assim como encontrar novos talentos no decorrer da contratação.

Uma das pesquisas da Randstad, por exemplo, mostra que 71% dos entrevistados planejam mudar de funções permanentes para temporárias, a fim de buscar novas experiências. As empresas estão encontrando na mescla de vagas tanto permanentes como temporárias, uma saída importante para atender suas necessidades de forma mais rápida.

Contratações à distância

E por fim, não se pode deixar de comentar que as contratações à distância também se tornarão cada vez mais reais. O motivo está na escassez de profissionais na cidade da empresa em questão. Áreas como saúde e TI estão entre as que estão em falta, por exemplo.

De acordo com a Randstad, as empresas abrem em torno 150 mil novos cargos em TI por ano, porém apenas 50 mil delas possui perfil para ocupá-la. A contratação à distância então vem permitindo a contratação de profissionais de qualquer lugar do mundo, de modo que as mesmas atendam a demanda da empresa.

 

Você também pode gostar:

Cinco Vantagens de contratar um funcionário temporário